quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Foi mais ou menos assim

Luna entrou no fórum e reparou no Fio. Ele usava, na época, um avatar do Rob Zombie. Luna gostava de metaleiros. Luna gostou do Fio, portanto. Luna e Fio se deram bem. Brigaram horrores. Riram e choraram. Luna sempre teve problemas mentais. Fio consegue ter mais. Prontofalei.

No mesmo fórum, Luna percebeu a existência de Nanael. Nanael não parecia ser metaleiro, e realmente não era, mas ela achou que ele tinha algo de especial. Luna não se enganou(muito). Nanael não era velho, nem português. Mas era um homem como não se vê mais, Mirtes.

Andando um pouco mais naquele espaço virtual, Luna deparou-se com Frank. Aliás, todo mundo reparou no Frank. Frank virou o preferido de Luna, que até o rebatizou. Não é mais Frank, é Franj. Luna ficava meio labirintítica quando Franj estava presente. Ainda fica.

Franj conhecia a Meg e tratou logo de apresentá-la a Luna. Foi capricho dos deuses. Com Meg, Luna chegou ao ápice de seus problemas mentais. Meg era uma adepta da intrincada filosofia de Cumpádi Uóxinton. Com ela, nasceu a siacabância. E Lord Voldemort ganhou duas fãs bem mais interessantes do que Bellatrix Lestrange. Fãs que não precisam de amaci hair – dica.

Numa noite de inverno, Dave Coelho chegou. A primeira conversa entre Luna e Dave foi sobre o tempo. Estava fazendo frio no Rio Grande do Sul e calor no Maranhão. Nenhuma novidade, portanto. Mas o diabémoleque e novas conversas vieram. Bem mais interessantes, posso garantir.

Quando Luna achava que já conhecia todas as pessoas legais, siacabantes e interessantes do fórum, apareceu uma certa professora e adevogada. Luna sempre admirou essa pessoa de longe, até que um dia, não se sabe como, surgiu a iluminação. Corceluia! Adriane virou a teóloga da Verdade Suprema e, mais tarde, companheira bloguística.

Bem mais tarde, quando o fórum estava começando a acabar, apareceu o atrasildo: Fabio. Ele chegou tarde, mas conquistou o coração de Luna, que não consegue escrever nada menos brega do que isso. Luna e Fabio querem que a Subway faça sanduíches de 25cm. Estão de olho num certo estabelecimento comercial na Alameda Lorena onde passam o pinto. Ambos são magricelas, usam óculos e são puro glamour.

Toda essa gente reunida, um dia, começou a escrever um blog. E o resto já se sabe.



(Acima, a caixinha que ganhei de presente da Meg. Vejam até onde nossos problemas mentais nos levam. Adoro!)

9 comentários:

Meg disse...

Fiquei sem palavras.
Volto depois pra comentar!

Gabi Petrucci disse...

Que linda a caixinha! Babei! *-*

Nanael Soubaim disse...

Caixinha de recortes, como é a própria vida... Eu sou aquele amante à moda antiga, do tipo que ainda manfa flores...

Meg disse...

Pra quem você manda flores, Nanis?
Acho válido.

Adriane Schroeder disse...

Amei a caisinha!
Luna, eu também te admiro, ó sacerdotisa!

Luna disse...

Manda flores pra mim, Nanis! Vai chegar tudo murcho aqui. Hahaha. Sonhei que fui pra Goiânia e quase morri de calor. Q?

Nanael Soubaim disse...

Pois eu estou quase sendo cozido no meu próprio sangue, espere vir um frio temporão, já que inverno não tivemos.

fabio_ disse...

Sem falar no nosso eterno ponto de encontro: a Rua Purpurina!

fabio_ disse...
Este comentário foi removido pelo autor.