terça-feira, 14 de abril de 2009

Crepúsculo

A série Crepúsculo virou a febre teen do momento. Em todas as livrarias, pelo menos uma parte da vitrine é dedicada para os livros (capinha preta, maçã, flores...) e também já lançaram o primeiro filme.
A história? Adolescente comum (Bella) se muda para uma cidadezinha do interior (fim de mundo dos Estados Unidos) para morar com o pai. A cidade é um ovo total, o colégio é uma chatice total...E é no meio de todo o marasmo que ela acaba ficando atraída por um rapaz (Edward) que vive com uma família meio esquisita.
Todos são muito belos e maravilhosos (principalmente Edward) – isso é citado inúmeras vezes ao longo do livro:

“Fiquei olhando porque seus rostos, tão diferentes, tão parecidos, eram completa, arrasadora e inumanamente lindos. Eram rostos que não se esperava ver a não ser talvez nas páginas reluzentes de uma revista de moda. Ou pintados por um antigo mestre como a face de um anjo. Era difícil decidir quem era o mais bonito — talvez a loura perfeita, ou o garoto de cabelo cor de bronze.”

O problema reside no fato de que Edward e familiares são, na verdade, vampiros.
E é aí que começa tudo: o vampirismo deles é meio controlado, só se alimentam com sangue de animais. É o vegetarianismo crepuscular...
Só que nem todos os vampiros seguem esta linha, e aí no meio da história aparece um grupo rival. E, claro, Bella e Edward se apaixonam. ZZZZZZZZZzzzzzzzzzzzzzzzzz.
Não dá pra contar mais do que isso.

Na falta de novos livros do Harry Potter, Crepúsculo virou moda. E por todo o “fenômeno”, começaram as comparações entre os livros da Stephenie Meyer e os da J.K Rowling.
Pra mim, Crepúsculo é tão inferior...Não consegui encontrar a graça, parei no primeiro livro.
E pelas sinopses que já li na Internet, o desenrolar da história fica pior ainda.
Não me cativou nem um pouco. Não gostei da Bella, do Edward...De ninguém.
E isso é muito estranho, pois eu adoro esse tipo de eguági literária.

Santo Google acabou me mandando para o site Twilight Haters:
http://twilighthatersbrasil.wordpress.com/
Quem pegou ódio mortal pelo livro vai se interessar.

5 comentários:

Adriane disse...

Entendi todo o porquê dos bocejos. É porque é crepúsculo, se fosse aurora, aí íamos acordar.
:P

Nanael Soubaim disse...

Ou talvez "Tá atrasado, mané!", aí sim, a leitura seria rápida. A única autora que fala à sério e com bom humor sobre o tema é Eddie Van Feu.

Frankulino disse...

a autora desse livro é péssima, até uma auto-biografia do Cumpádi seria mais bem escrita...


A pior derrota de um escritor é quando ele não consegue desenvolver um personagem...

oteion esse tipo de perigon

Luna disse...

Você conseguiu terminar o livro? Estou sofrendo aqui. Coisa bem ruim!

Frankulino disse...

nem li, parei na metade, numa parte que eu nem me lembro mais... só sei que a Bella já tinha descoberto que o Edward era um vampiro e estava voltando pra casa... Ele dirigia o carro muito rápido e foi com ISSO que ela simportou... não com o fato dele ser um vampiro...