quinta-feira, 25 de junho de 2009

Quer um gole de Jesus?

Dia desses, ao passar pelo meu itinerário habitual, deparei-me com um out-door com um anúncio que me deixou engomada, passada a ferro e no cabide.
Água mineral 100% Jesus, a serviço do reino de Deus. Não sei se vocês sabem, mas sou protestante, de denominação luterana. Ver aquela propaganda me fez pensar em tantas coisas, mas cito aqui cinco delas:
1. Até onde vai a cara de pau das pessoas ao usarem a religiosidade alheia para vender seus badulaques?
2. O que diriam os reformadores ao verem as igrejas atuais, ditas evangélicas, fazerem as mesmas coisas contra as quais eles tanto lutaram? Sim, porque tem óleos santos, fitinhas abençoadas y otras coisitas más...
3. O que pensaria o próprio Cristo, ao ver seu nome numa garrafinha de água mineral?
4. O que mais eles vão lançar?
5. Jesus serve até como contra-propaganda? Nos EUA fizeram campanhas contra determinados produtos perguntando "Jesus compraria?"

Mas não venham vocês pseudoateus rirem da minha cara. Também tem camiseta, bótom e o escambau de Che Guevara e até bonequinhos de Karl Marx. Não é só a minha fé que está à venda...

Olha que fófis esse Marxinho!

5 comentários:

Nanael Soubaim disse...

Ele nada diz. Aliás, Ele e Nada, Maria, Kutumi, ninguém da patota que Ele comanda diz cousa alguma. Não perdem tempo com mesquinharias humanas, ou a senhora pensa que comandar um planeta problemático como este é mole? Fica fria que cada um vai pagar pelos estragos que fizer, à vista.

Adriane disse...

Ah, eu lho sabolho.
O que ele tinha pra dizer, já disse...
:)

Fabiana disse...

Eu quero um bonequinho desses, hehe :-)

Adriane disse...

Não é uma graça, Fabi?
:D

Luna disse...

Tem o Guaraná Jesus, pergunta pro Dave. Só existe no Maranhão. :)

Não dizem que a História se repete? Então, agora, em vez de vender pedaços da cruz ou do santo sudário, estão vendendo outros produtos "divinos".

(Se a história se repete, eu não sei. Só sei que a humanidade não aprende é nada.)